terça-feira, 31 de março de 2009

heróis

Link

Meus sobrinhos iam amar essas ilustrações. Quem é Max Steel perto desses heróis...

sweet


Link

É um projeto 3D. Não consegui entender bem se são balas, mas parece que sim. E parecem vir todas em uma embalagem preta, com um contrastante "Sweet Jesus" em amarelo. Me lembrou nespresso. Parece até meio irônico.

cura


Eu acho bacana demais :) Meio pop art... Por que não?

quarta-feira, 25 de março de 2009

vinde a mim como estás

Não precisa pensar muito, se organizar demais, se arrumar demais, nem nada disso não. O tempo só passa com isso. E além do mais, organizada ou uma zona completa, é a parte interna que importa. É nela que ele vai mexer e mudar muito se a gente deixar :) E então, como estás? Pronto?

XV - vamos contigo

A capela do Hospital São João (cidade do Porto, Portugal) possui uma linda Via Crucis pintada por Avelino Leite. O link abaixo apresenta cada estação acompanhada do trecho de um poema de Mário Cláudio:

Via Crucis do Hospital São João

Gosto especialmente da sexta estação (Verônica enxuga o rosto de Jesus) com o trecho:
"O teu retrato marca as horas da nossa vida. Oferecendo-te o pano de aparar o nascimento dos filhos, a mulher enxugou-te a cara desfigurada. E o teu vulto, Senhor, jamais se evapora, ergue-se na escuridão, quando o dia vai no fim."

Tão próximos da Semana Santa, mas tão envolvidos com o corre corre incessante de nossas vidas, vale a pena dar uma lidinha e uma pausa básica pra refletir.

segunda-feira, 23 de março de 2009

coisas de antônio

Essa eu não podia deixar de postar aqui. É do meu sobrinho de 3 anos que começou essa semana a catequese. Chegando em casa, a mãe dele pergunta:

- Antônio, e então, o que aprendeu hoje na catequese?
- Ah mamãe, eu aprendi que primeiro Deus criou o ladrão.
- Ladrão?
- É. E aí ele viu que ele estava muuuuito sozinho e resolveu mandar uma esposa para ele.
- Filho, não é ladrão, é Adão...
- Ah, tá...

No outro dia, a avó liga, interessada no aprendizado do neto:
- Antônio, você foi na catequese? Gostou? O que aprendeu?
- Ah, vovó, eu gostei. E eu aprendi que primeiro Deus criou o anão...

É ou não é complexo catequizar as crianças?

quem é esse homem?


Abaixo está um trecho do livro “Bono: In Conversation With Michka Assayas”. Nele, o vocalista o U2, Bono Vox, compartilha seus pensamentos com um jornalista francês e seu amigo, que está junto da banda desde o começo dela. Em uma série de perguntas e respostas, Bono discute vários assuntos, como a morte de seus pais, o começo da banda, seu casamento, sua paixão por ações sociais, sua fé e como isso permeia tudo. Espero que gostem.

Bono: A minha compreensão das escrituras foi feita simplesmente pela pessoa de Cristo. Cristo ensina que Deus é amor. O que isso significa? Significa para mim um estudo sobre a vida de Cristo. Amor aqui é descrito como uma criança nascida num lar pobre, vulnerável e sem honra. Eu não deixo minha religião muito complicada. Bem, eu penso que eu conheço quem é Deus. Deus é amor e quanto mais eu falo deste amor, mais eu permito ser transformado pelo amor e agir por esse amor, que é minha religião. As coisas se tornam complicadas quando eu tento viver esse amor. Não é fácil.

Assayas: E o Deus do Antigo Testamento? Ele não era tão “paz e amor”?

Bono: Nada afeta a minha visão de Cristo. O evangelho mostra uma figura de exigência, às vezes até dividindo o amor, mas mesmo assim, continua sendo amor. Eu acredito no Antigo Testamento como um filme de ação: sangue, carros se batendo, efeitos especiais, o mar se abrindo, assassinatos, adultérios, a criatura de Deus com desejo de matar, rebelde. Mas a maneira que eu vejo uma relação de Deus é como um amigo. Quando você é criança você precisa de instruções e regras. Mas com Cristo, nós temos acesso a um relacionamento mais íntimo, enquanto no Antigo Testamento, a relação de adoração era mais vertical. No Novo Testamento, por outro lado, nós olhamos para um Jesus familiar, horizontal. A combinação é o que faz Ele na cruz (o credo da cruz).

Assayas: “O filho de Deus que tira o pecado do mundo”. Eu queria acreditar nisso.

Bono: Mas eu amo a idéia do sacrifício de Cristo. Eu amo a idéia de Deus dizer: “Olhem seus cretinos, terão conseqüências o que vocês estão fazendo, vocês são muito egoístas e são pecadores por natureza e, vamos encarar, você não está vivendo uma vida muito boa, está?” E existem conseqüências para os atos. A idéia da morte de Cristo é que Cristo levou os pecados desse mundo, então ele (o pecado) não pode mais habitar em nós, e a nossa natureza pecaminosa não nos levará para a morte. Esta é a idéia. Isso deveria nos fazer mais humildes… não é por sermos bons que vamos para o paraíso.

Assayas: É uma grande idéia, e não estou negando. Esperança é algo maravilhoso, até mesmo quando parece ser alucinação, em minha percepção. Cristo tem seu status ao redor do mundo nos maiores críticos e pensadores. Mas o “Filho de Deus”, isso não é um pouco forçado?

Bono: Não, isso não é forçado para mim. Olhe bem, a história de Cristo como não sendo ligada a religião sempre é vista assim: Ele era um grande profeta, um rapaz muito interessante, tinha muito o que dizer de importante até para outros profetas. Mas na verdade Cristo não permite dizer isso. Cristo diz: “Não, eu não estou dizendo que eu sou um professor, não me chamem de professor. Eu não estou dizendo que sou um profeta. Eu digo: “Eu sou o Messias”. Eu digo: “Eu sou Deus encarnado”. E as pessoas dizem: “Não, não, por favor, seja somente um profeta. Um profeta nós conseguiremos aceitar”.

E Bono diz mais tarde, como considerar Jesus:

Bono:… Se nós pudéssemos ser um pouco mais como Ele, o mundo seria transformado. Quando eu olho para a Cruz de Cristo, o que vejo é que lá estão todos os meus pecados e os pecados de todas as pessoas do mundo. Então eu pergunto a mim mesmo uma pergunta que muitos fazem: Quem é esse homem?

Obs.: Vale ressaltar que Bono Vox fala muito de sua fé no livro, mas também é crítico em várias situações.

domingo, 15 de março de 2009

ele é


Esse aplique pode ser costurado em jeans, bolsas ou outro lugar bacana. Pintado à mão, simula um estêncil. A mensagem de mais de 2000 anos atrás é apresentada hoje com uma cara vintage e nos mostra quem ele é. Precisa dizer mais?

segunda-feira, 9 de março de 2009

sem identidade

Link

Bem significativas as imagens, não? São do polêmico Peter Fuss, fazem parte de 15 outdoors que foram expostos na Polônia por ele, cada um representando uma das cenas da Via Sacra. Independente do que dizem a respeito do artista, temos representações que chocam. Um Cristo com uma tarja preta nos olhos. Um Cristo isolado em um fundo branco. Excluído, marginalizado. É o Cristo que vemos nas ruas, o pobre, o sofredor, o doente. É um Cristo que espera ver o branco ser preenchido.

auréola


Uma luminária em formato de auréola. Não é suficinete para sermos santos no meio do mundo, mas já dá um incentivo :)
Criação do mexicano Ricardo Garza Marcos.

sábado, 7 de março de 2009

metáfora



Esta não é uma luz ao fundo do túnel, distante e incerta. É uma luz próxima, abundante, acessível. Basta querer. Basta deixar que o coração sonhe, enquanto me dirijo para ela. Não importa onde estou, importa sim a direção dos meus passos. Parece-me, esta fotografia, uma metáfora. Talvez agora, na quaresma, com mais força.

José Luís Artur


*a imagem e comentário acima foram retirados do site português: essejota.net. Vale a pena conhecer.

terça-feira, 3 de março de 2009

"vê? eu disse que ela viria".


video


Link
A história da aparição de Nossa Senhora de Fátima é muito intensa, lembro que assisti quando criança, a um desenho animado que ilustrava o sufoco que Jacinta, Lúcia e Francisco passaram, quando ninguém acreditava neles em uma época (foi em 1917) em que suas famílias chegavam a ser ridicularizadas por isso. Mas agora o que está prestes a estrear é um longa metragem dirigido por Ian e Dominic Higgins, que está em fase de pré-produção: o filme O 13º Dia - um milagre de Fátima. O filme foi rodado na Inglaterra e tem algumas cenas captadas nos arredores da Cova da Iria, onde fica o Santuário de Fátima, local de aparição de Nossa Senhora para as 3 crianças. Parece não chegar ao nível de produção da Paixão de Cristo, mas acho que vai ficar bem interessante, vamos esperar pra ver :)

Abaixo seguem alguns postais do filme:


segunda-feira, 2 de março de 2009

a paz é fruto da justiça


A Campanha da Fraternidade de 2009, que inicia agora com a Quaresma, tem o tema: Fraternidade e Segurança Pública. E o lema: A Paz é Fruto da Justiça. O vaso não casa direitinho com essa idéia?

ele sabe


Uma abordagem cheia de humor pra lembrar que ele sempre sabe das coisas. E então sabemos a quem recorrer quando tivermos os problemas de sempre :)